E a palavra do dia é INOVAÇÃO

Que belezinha, o bate papo de hoje foi no mínimo intrigante.

Segundo o glorioso e fácil Wikipédia:

Inovação significa novidade ou renovação.[1] A palavra é derivada do termo latino innovatio, e se refere a uma idéia, método ou objeto que é criado e que pouco se parece com padrões anteriores. Hoje, a palavra inovação é mais usada no contexto de idéiasinvenções assim como a exploração económica relacionada, sendo que inovação é invenção que chega no mercado.[2]

Fonte: ttp://pt.wikipedia.org/wiki/Inova%C3%A7%C3%A3o

Inovar é fazer diferente, mas não jogar-se ao acaso curtindo os momentos de sorte. É acreditar na mudança, mas com embasamento.

E como eu gosto de trazer tudo para o lado da comunicação…

Quem aí conhece uma empresa que tem em seu slogan SOMOS INOVADORES. (Just think)

Sem ater-se às maçãs podres do mercado…

As empresas que realmente investem em pesquisa, técnica e profissionais têm obtido resultados muito bacanas, que, principalmente do ponto de vista da comunicação, conseguem trabalhar suas campanhas também com muito mais informações interessantes. E hoje isso aqui é para agradecer a abertura da mente desses empreendedores que decidiram que INVESTIR EM PESQUISA é ganhar, e é ganhar mesmo!

Ver: 5 princípios das empresas inovadoras

Algumas dessas empresas possuem departamentos de P&D muito mais flexíveis e respeitados, tanto em termos de incentivo quanto qualidade de vida dos seus pesquisadores, que chegam a ser até mais atrativas (pra mim neste momento de pesquisa) do que a sala de recreação da Google (mesmo sendo difícil desviar o olhar daquela belezinha).

Por isso vai aí uma dica para inspirar-se nessa semana com as 50 empresas mais inovadoras do munodo.

No Brasil vale lembrar do FINEP, organização que pretende mudar nosso país por meio da inovação. Cabe pegar mais informações: http://www.finep.gov.br/

 

Mais iniciativas inovadoras de incentivo à pesquisa e consequentemente à educação, inspiram empresas, pessoas e é claro a comunicação… #ficaadica

Em um post pouco inovador mas inspirado.

ESTÉTICA DA COMUNICAÇÃO

Saudações internautas!
Como parte do projeto #AngeVoltaaTrabalharComBranding … segue um artigo que escrevi para uma disciplina da faculdade.

O ser humano é um ser social (a vah?), precisa do convívio e interação com outros seus para sentir-se pleno em sua existência. O processo de socialização acontece por meio das relações comunicativas que existem entre os seres, estes buscam a constante troca de informações a fim de transmitir ideias ou sensações.

Contudo, o processo de comunicação só acontece com eficiência e efetividade quando o arranjo das informações e o meio de veiculação da mensagem estão de acordo com os padrões de receptividade do destinatário da mensagem, que por sua vez ao identificar (consciente ou inconsciente) semelhanças entre seus valores com os valores distribuídos na mensagem a compreende.

Esse processo de modelagem da mensagem para torná-la interessante a determinado público é abrangido por estudos referentes à Estética da Comunicação, qual afirma que cada indivíduo possui conceitos singulares que por sua vez determinam o que ele atribui a si como “belo”. Este último é a representação de tudo o que agrada uma pessoa, seja atribuições físicas ou psicológicas de algum objeto.

Essa preocupação estética de adequação da mensagem, meio ao receptor é o que difere o processo de comunicação às expressões artísticas, as últimas não possuem uma necessidade explícita em arranjar símbolos para agradar públicos, já a comunicação vê a necessidade dessa organização para tornar-se plena.

O processo de adequação estética da mensagem engloba desde questões macro, como o ambiente e as relações em que o público encontra-se, até pequenos detalhes, como em um folder a tipologia da fonte ou pontuação textual.

Um estudo que remete muito às preocupações estéticas da comunicação é a psicodinâmica das cores, que aborda quais sentimentos são despertados em um indivíduo quando uma ou mais cores são utilizadas em uma peça publicitária, por exemplo. Como é o caso da estruturação das lojas da rede multinacional de fast-food Mac Donald’s: toda decoração interna das lojas utiliza cores quentes como o vermelho e o amarelo que por sua vez remetem a rapidez, impaciência (ideia de fazer com que o indivíduo não permaneça durante muito tempo no local) e o despertar da fome.

Outras dimensões estéticas da comunicação são facilmente observadas na construção de marcas de empresas. Todos os traços, tipografia, cores e imagens utilizadas remetem diretamente aos valores e anseios da organização representada pelo ícone.

Essas são apenas algumas das várias técnicas existentes para estruturar a comunicação de modo que ela transmita o que o remetente pretende demonstrar de maneira atrativa ao receptor, que só acontece quando as características da mensagem estão de acordo com os padrões (conscientes ou inconscientes) de percepção do belo do público alvo da informação.

GESTÃO DE PROJETOS – Ferramentas

Boa noite pessoas!

O tema do momento (pelo menos em meu cotidiano) é Gestão de Projetos. Segue um resumo de algumas ferramentas que podem ser aplicadas em sua empresa (ou vida pessoal) para facilitar a organização.

Prometo nos próximos posts discorrer com mais profundidade nos tópicos mas fica a chamada.

1. OPINIÃO ESPECIALIZADA


Definição: Garante a participação de técnicos da área na condução do projeto, a função holística do gerente de projetos neste caso está mais centrada na coordenação e controle do projeto do que nas especificações técnicas fundamentais para tal realização.
Vantagens: Faz com que gestores de projetos não necessariamente possuam todo o conhecimento da área a ser atingida mas tenham as ferramentas (especialistas) necessárias para garantir a qualidade e segurança do produto do projeto.

2. ÁRVORE DE DECISÕES


Definição: A forma gráfica representa a reunião de condições necessárias para a realização de uma atividade. De forma sistêmica colabora com uma tomada de decisão mais racional
Define o conjunto de ações a ser tomado, a partir de um conjunto de condições.
Vantagens: Padroniza a priorização das atividades, justifica claramente a realização das tarefas e colabora com a agilidade na tomada de futuras decisões com o registro das então praticadas.

3. RESERVAS


Definição: possuir flexibilidade calculada quanto aos custos e tempo de realização do projeto para garantir sua continuidade dentro de um ambiente propício a ameaças e oportunidades.
No quesito custos há dois tipos de reserva:
Contingência: reserva financeira para riscos conhecidos (matriz de probabilidade e impacto) .
Gerencial: reserva para riscos desconhecidos (percentual do projeto de acordo com a percepção da empresa).
Quanto maior o gerenciamento de riscos, mais precisa é a reserva CONTINGENCIAL e menor será a reserva GERENCIAL.
Vantagens: dá segurança aos stakeholders.

4. NIVELAMENTO

Definição: Utilizar os recursos disponíveis de forma inteligente. Captar as potencialidades e reduzir o impacto das fraquezas remanejando o trabalho.
Vantagens: Diminui o desgaste da equipe de trabalho (quando da alocação de força pessoal de trabalho), potencializa o resultado do projeto, motiva a equipe.

5. LEI DE PARETO


Definição: Identifica os pontos fracos do projeto/organização e procura repará-los.
Maioria dos problemas tem origem na minoria das causas.
Consideração: A falta de noção de prioridade é o maio causador de stress e diminuição de produtividade nas empresas, com a elaboração de uma matriz de priorização é possível otimizar as ações e o uso do tempo de forma racional e inteligente.
Vantagens: Aumenta a qualidade e pontualidade das atividades e organiza a equipe de forma sinérgica.

O quadro abaixo exemplifica um modo de organização de prioridades, com a evolução do seu gerenciamento as tarefas tendem a concentrar-se com mais ênfase no segundo quadrante:

Liderança, Postura e Sucesso

Boa tarde colegas… segue um tema que há um tempo eu precisava escrever sobre.

Depois de alguns anos de observação concluo que só tem sucesso quem tem em seu lado pessoas de sucesso.

Infelizmente poucas pessoas vêem o mundo assim. O medo de que por em determinado momento o talento de alguém esteja mais visível do que o seu, não significa que aquela pessoa está ali para tomar o seu lugar, pelo contrário, se você souber como extrair o máximo conhecimento dos talentos de cada um que contigo convive você cresce, as pessoas ao seu redor crescem, sua empresa e sua vida crescem.

Por isso que líderes, os verdadeiros, nem sempre são aqueles que possuem o pleno conhecimento de uma ferramenta ou produto, e sim são aqueles que sabem canalizar as qualidades de todos em sua volta em prol de um objetivo comum, estes líderes geram motivação, cativam, amam e são amados, e, mais do que isso, chegam aos melhores resultados.

É uma pena que muitos “profissionais” ainda vejam a vida como uma novela mexicana, em que armações e mentiras devem ser criadas para que um tenha mais posição que o outro, que vergonha.

Ser aceito em um grupo não é questão de inteligência, é questão de dom.

Liderar não é ditar regras pelo seu cargo, é atingir níveis de influência pelo seu carisma.

Ter sucesso é agir honestamente, com ética e ter o maior número de pessoas que também pensam assim em seu lado.

Em nosso momento, ter conhecimento específico em nossas áreas e estar integrado às mudanças sociais não chega mais a ser um diferencial e sim algo fundamental. Diferencial é saber canalizar este conhecimento de modo a colaborar com o crescimento de outros. Diferencial é demonstrar conhecimento sem calar os demais. Diferencial é liderar e não coagir.

Ótimo domingo à todos!!

Cor chocante Cor pastel…

Compartilho por que RI DEMAIS.

Reduzir o consumo de carne: um ato saudável e sustentável

Boa noite… hoje, véspera de sexta e o fds está aí, por tanto, retomar a coluna de ações sustentáveis é preciso…
De um e-mail que recebi da querida amiga Fabiana Fabiane:
Consumo responsável significa adotar uma postura ética na hora de consumir e adquir produtos: a ideia é não comprar algo produzido a partir da exploração de seres humanos e animais ou de danos ao meio ambiente.
Mas quem faz isso hoje? Quem, antes de ingerir algum alimento, reflete sobre como esse alimento foi produzido, sobre quanto e o que foi gasto para que isso chegasse até a nossa mesa? São poucas as pessoas que fazem essa ponderação, principalmente quando o alimento em questão é a carne.
O consumo exagerado de carne vai muito além da reflexão sobre a forma cruel e desumana que os abatedouros realizam seus trabalhos: hoje, consumir carne ou não, é uma questão de sustentabilidade!
Antônio Costa/ Gazeta do Povo
O rebanho bovino no Brasil é de aproximadamente 200 milhões de cabeças de gado: 10 milhões a mais do que o número de pessoas que vivem no país. Os cereais utilizados para alimentar o gado seriam mais do que suficientes para alimentar a população humana da América Latina. Enquanto pessoas passam fome, 70% da soja plantada no Brasil é consumida por bois e vacas. Com relação ao consumo de água, em média a produção de 1 kg de carne bovina consome 15 mil litros de água limpa. Em contrapartida, produzir 1 kg de cereal consome apenas 1.300 litros de água, ou seja, o cereal alimenta e faz tão bem quanto a carne e sua produção consome bem menos recursos naturais.
Esse mesmo 1 kg de carne desmata cerca de 10 mil metros quadrados de floresta e é responsável por 18% da emissão de gases capazes de destruir a camada de ozônio, acelerando o aquecimento global. Além disso, a pecuária foi a principal causa da devastação da mata Atlântica, da caatinga, do cerrado e também da Amazônia.
Conclusão: consumir carne exageradamente não é sustentável. Mas o que podemos fazer para reverter esse quadro? A resposta é: mudar os padrões de consumo!
Ao eliminar ou diminuir significativamente o consumo de carne, diminui-se ao mesmo tempo: o desperdício de água, de proteínas vegetais, o desmatamento, a desertificação, a extinção de espécies, a destruição de habitats e até de biomas inteiros. De quebra, ainda ajuda a diminuir o rebanho bovino e sua emissão de metano – o maior e mais poderoso agente do efeito estufa.
Tomado isoladamente, o gesto individual não tem resultado objetivo mensurável, mas quando é uma postura adotada por muitos, influi objetivamente nas condições do planeta.
Mais informações, acesse: http://www.institutoninarosa.org.br/

É O CICLO DA VIDA

FELIZ DIA DOS PAIS ATRAZADO!!!

Pai e filho foram flagrados no Parque Nacional do Serengeti.
Foto foi tirada no Kopjes Simba, rochedo em que filme se inspirou.

Fonte: http://bit.ly/9RYmRF